sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Começando as resoluções...


Pessoas,
estou irritada comigo mesma.
Estou fazendo umas coisas de gente destrambelhada. Já é a segunda vez(que eu me lembre) que estaciono o carro, vou embora e quando volto não faço a menor ideia da onde larguei. Aí fico zanzando pelo estacionamento, procurando referências e apertando o botãozinho do alarme pra ver se ele liga à distância. Acabo achando mas aí fico nervosa, achando que não vou achar. Outro dia perdi o carro de outra pessoa. Teve uma vez que procurei um tempão o carro no andar errado. E assim vai...
Eu perdia o carro e o tícket(como se escreve tíqueti? tiket, tique, tic...hauahuau!). Então, eu enfiava o "tíque" em algum compartimento e apagava da memória em seguida. Bolsa, bolsinha da bolsa, bolso. E ficava horas procurando. Até que desenvolvi a técnica do "tíque". Ele só pode ficar em um lugar em todas as bolsas: aquele bolsinho achatado que tem dentro da maioria delas, portando se vc quiser ir ao shopping ou qq lugar que tenha que guardar um "tíque", vá com uma bolsa com bolsinho achatado dentro. É tiro e queda. Nunca mais perdi um "tíque" depois disso. E pq também li uma reportagem sobre pessoas que perdiam tudo. Chave de casa, celular... E o segredo que disseram é arranjar lugar pra tudo. Tipo: vc chega em casa e tem um pote do lado da porta, vc sempre que chegar em casa coloca a chave lá. Aí sempre que procurar a chave tá lá.
Funciona, eu tô fazendo isso.
Outra mania que me irrita em mim mesma é esquecer o nome da pessoa imediatamente depois de ser apresentada a ela. Que ódio! É mais forte que eu.
Por isso, já estou anotando o que eu quero mudar em 2011 para facilitar minha vida. Essas mudanças são para melhorar meu dia a dia. Mas tem as mudanças para eu ser mais feliz, as mudanças para ter mais saúde e as mudanças gerais, seja lá o que for isso.
Cada mudança tem sua catiguria! E estou começando desde já.
Estou fazendo reiki, me "vigiando" no trânsito (parei de abrir o vidro, xingar e fazer sinalzinho feio com o dedo), coloco uma música e vou tranquila. O trânsito não me estressa mais como antigamente.
Quero melhorar minha memória também. Já tomei Ginko biloba, joguei jogo da memória, mas nada. Conto a mesma história 5 vezes.
-Te contei que tarará tarará?
-Já, Thaís, 2 vezes...
-Ops!
A sorte é que minha melhor amiga tb tem essa memória de camarão e deve ser por isso que a gente se fala 10 vezes ao dia. A gente fala do mesmo assunto, só que como já esquecemos que falamos antes, contamos a mesma coisa e a outra ainda se surpreende. Espero que pelo menos a gente seja coerente e fale as mesmas opiniões e dê os mesmos conselhos.
Mas isso nunca vamos saber.
Pois bem,estão lançadas ao universo as minhas primeiras resoluções para 2011!
bjs!

10 comentários:

Mila Viegas disse...

kkkkk... Uma vez esqueci meu carro no estacionamento do Rio Sul. Daí, rodei os andares tentando achar. Topei com uma mulher na mesma situação. Ela dizia pra si mesma e automaticamente para mim:

- Perdi meu carro!

Eu: - Também perdi o meu!

Ficamos as duas meio cúmplices a procura dos nossos carros. Acontece que de longe a ouvi gritar: - Achei!!!

Acabei sendo atraída por aquela voz e cheguei mais perto. E ela continuava irritada tentando abrir o carro com a chave e nada (não tinha alarme no dela e na época o meu também não)!

Percebi que o carro dela era super parecido com o meu. Ou melhor, era idêntico. Aí me toquei:

- Opa, senhora, peraí esse é o meu carro!

- É mesmo? Então tenta enfiar sua chave!

Enfiei e era o meu mesmo, pois identifiquei os meus pertences na parte interna.

A mulher saiu puta dentro das calças, xingando e reclamando consigo mesma:

- Sou capaz de achar o carro dos outros,mas não acho o meu!!

kkkk...
Agradeci a ajuda "sem querer". Daí ela gritou de lá:

- Pelo menos achei alguma coisa!!!

kkkkkkk!

bjos

gle disse...

iiii... esqueci o que eu ia escrever.... hhhahahaaa! sacanagem! essas coisas nao acontecem comigo nao...pelo menos por enquanto! mas achei otima a ideia de designar lugar para as coisas ;) lembrarei da dica quando eu esquecer de lembrar!! fez sentido ?!

gle disse...

iiii... esqueci o que eu ia escrever.... hhhahahaaa! sacanagem! essas coisas nao acontecem comigo nao...pelo menos por enquanto! mas achei otima a ideia de designar lugar para as coisas ;) lembrarei da dica quando eu esquecer de lembrar!! fez sentido ?!

gle disse...

iii, a porcaria do comentario saiu 2 vezes!! da pra perceber que eu nao sou tao conectada assim?! ;-)

LILIANE disse...

Thaís
Mesmo mole igual uma lesma, (tomei remédio) dei umas risadas aqui.
Eu já saí de carro. Parei, deixei ele quietinho...

Fiz as coisa tudo, morava no morro, subi o raio do morro, cheia de sacola, no meio do morro vi que eu tava a pé.
Em vez de chegar em casa com a sacolada, desci tudo de novo, fui procurar o carro, tava um sol de rachar.
ai que chato esse comentário.
Desculpa... se cuida por favor, fica bem, porque eu tomei o mardito do rivotril e to capotando.
Sou muitissimo solidária a você, de verdade,
no fim tudo dá certo.
beijinho beijinho beijinho
(pelo amor de Deus, lê direitinho, não publica não, que tá terrivel mesmo esse comentário, né)

Lúcia Soares disse...

Thaís, tive que rir muito das conversas com sua amiga esquecida como você. Foi ótimo!
Mas sabe o que é isso? Não é só memória, é stress também.
Ou ser desligada, muito comum, também.
Boas resoluções de cada coisa ter seu lugar. Dá sempre certo.
Beijo!

Beth/Lilás disse...

kkkkkkkk
Depois você diz que eu é que sou biruta quando bebo vinho. Mas você tá fazendo as coisas no 'seco'. kkkk

Carácoles, também faço muito estas coisas e a pior e que me derrota é quando esqueço o nome da pessoa que conheci no mesmo instante. odeio!

E nesta semana, no supermarket, lá vou eu, empurrando um carrinho que não era meu, mas tinhas umas coisas parecidas com as que eu tinha colocado dentro. Faço um monte de confusão també e dou risada de mim mesma.
Mas, a gente vai melhorar.
Ginko Biloba nas idéias, com vinho de preferência. kkk
bjs cariocas

Tati Pastorello disse...

Posso pedir uma coisa? E você anota, que é para não esquecer? Deixa de ser divertida desse jeito não, tá bem?
Olha eu faço lista de compras e deixo em casa. SEMPRE!!! E ontem, quando levamos o Bê para o exame, deixei o número da sala em casa, aí entrei na clínica errada, mas a moça falou, deve ser na tal, não era, era na outra... Quando esperava, resolvi fazer pequenas anotações, abri meu caderninho e... tcha-rãn! Lá estava o número da sala anotada! Surreal!
Mas eu juro que tenho boa memória, só que apenas para o que não serve para nada!
Adorei sua história com sua melhor amiga, dei gargalhada sozinha!
Beijos.

Marcos Vivez disse...

Vamos então ligar para a produção do Pãnico na Tv e criar o quadro "Cadê meu carro" fará bastante sucesso igual ao "Cadê meu chinelo"...
Tb estou traçando metas para melhorar minha saúde mental e física para 2011 já estou em uma fase que para o homem é bastante difícil.

Candida Specht disse...

Taís, minha irmã tem uma manha que tem dado muito certo, ela chega no estacionamento onde estaciona o carro e fotografa com o celular a identificação do lugar onde deixou o carro, na volta consulta o albúm e tá tudo certo! não se aperta mais! rsrsrsrs o engraçado é que ninguém entende nada no estacionamento, a louca fotografando placa!