segunda-feira, 26 de julho de 2010

Uma noite um tanto quanto colorida


Oi, gente.Tenho uma confissão a fazer.
Fui numa noitada gay.Pronto, falei.
Como dizem as minhas amigas agora eu estou topando tudo( quase tudo, que fique bem claro): "Thaís, vamos tomar picolé de xuxu em belford Roxo?"
Vamos!
"Vamos num lançamento de aviãozinho de papel em Caxias?"
Vamos!
Pois bem, sexta eu queria sair pra dançar e tinha combinado de ir pra The Week, a boite mais animada e gay do Rio.Todos empolgados, animei todo mundo, vesti minha calça de paetês roxos e lá fomos nós.
Chegamos na porta e o nome da festa era FESTA ELLAS.
Resolvemos perguntar qual o naipe do evento: ah, é uma festa lésbica. Ops!
Pensamos cá com nossos botões coloridos: O que é um peidinho pra quem tá cagado?
Entramos. Praticamente só mulher lá dentro. A música estava ótima. E ficamos lá dançando horrores. Lá pelas tantas, olhamos para um palco e me adentra Ana Carolina! Adoro!
" Toda mulher gosta de rosas, de rosas, de rosas..." Não acreditei! Um amigo nosso ficava assim, bêbado: Não é a Ana Calorina, não é ela!"
E a gente: Claaaro que é, olha lá, uhuw!
Lá pelas tantas, olhei bem, olhei direito... e percebi!
Era um homem travestido de Ana Carolina. Caímos na gargalhada, rimos incessantemente por uns 15 minutos, o tempo do show!Tivemos que sair da pista de dança e tudo. Ele estava com uma "paruca" enooorme, bem igual a dela. Mas era igual, choramos de rir.
Depois teve um show com uma cantora chamada Dani Moraes, que eu adorei. Só cantou música boa e cheia de atitude no palco.
Sei que saímos de lá 4 horas dela matina.
Adorei o lugar, mas na próxima prefiro ir numa festa tipo Ellas&elles.
Mas foi ótimo!Me esbaldei!
Bjs

4 comentários:

Beth/Lilás disse...

kkkkkkkkk
Thaís, você é uma humorista nata.
Me esborrachei de rir com este post, pergunta pra tua mãe.
E olha, depois que vi o último filme de Woody Allen (não perca) "Tudo pode Acontecer", fiquei realmente com isto na cabeça, ou seja, tudo pode acontecer. Portanto, divirta-se!
bjs cariocas

Isadora disse...

Dizem que festas assim são as mais animadas. Nunca fui a uma totalmente Gay, mas por falta de oportunidade mesmo e nào por preconceito. Desde que cada um respeite a opção outro não vejo problema nanhum e que bom que você se divertiu.
Um beijinho

Izabelle Nossa disse...

Que figura, Tha! Ahahahahah Ri muito lendo isso aqui. Bjs.

Tati Pastorello disse...

Ai, Thais... nem sei o que aconteceu que eu te perdi... você é muito divertida em sua maneira de escrever! Dou gargalhadas sozinha... Picolá de chuchu em belford roxo... lançamento de aviãozinho de papel... kkk
Adorei a aventura!
Beijos.