domingo, 4 de julho de 2010

It´s complicated



Oi,gente!
Acabei de ver esse filme "Simplesmente complicado" com Alec Baldwin, Meryl Streep e Steve Martin. Antes de falar do filme vou falar de algumas amigas. Uma se separou recentemente, a outra no início do ano e eu terminei um namoro de 5 anos há duas semanas.
Cada uma tem seus motivos, suas mágoas, uma história que é só delas.
Vendo esse filme e conhecendo todas essas histórias, inclusive a minha, vi como a gente sofre por antecipação tantas vezes, como queremos resolver coisas que estão fora do nosso alcance e como tentamos controlar tudo.
Ouvindo as meninas e a mim mesma, percebi que as coisas nunca estarão perfeitas(eu já sabia!), que a gente olha uma pessoa e pensa: Nossa, como ela é feliz, ganha bem pra caramba, perfeito!
E na verdade, se pararmos pra conversar um pouco, não é bem assim. Ela não queria trabalhar tanto, não quer isso pra vida dela, quer mais tempo com a família.
Esse filme fala um pouco disso, de como na juventude queremos mudar coisas, queremos mudar os outros, queremos que tudo seja perfeito pra dar certo e na verdade só precisamos ajeitar, adaptar e aceitar.
Como temos medo de não ter sucesso, de não ganhar dinheiro, de não construir o que queríamos. Mas acho que se tivéssemos na cabeça que, fazendo a nossa parte as coisas vão se encaixando, sofreríamos menos, perderíamos menos tempo com angústias e poderíamos seguir com mais tranquilidade.
Hum, acho que estou viajando um pouco na maionese hellmans, mas como estou com muitas questões na minha cabecinha maluca pra pensar, desejei ser a Meryl por um momento e olhar pra trás e ver que tudo deu certo.
Meu trabalho me consome, não sei se caso ou compro um patinete, sabe?
Uma amiga falou que essa fase é o RETORNO DE SATURNO na vida de um ser(eu!), tipo uma virada, um retorno de Jedi que a vida dá entre os 29 e 30 anos. Puts! Acabei de fazer 29, se durar um ano fudeu! Ela falou que passou por isso ano passado, uma crise pré-trinta.
Mas peraê, eu nem me sinto com essa idade!Parece que eu tenho vinte anos ainda. Help!
É, tô biruta mesmo.
Vou comprar meu patinete enquanto saturno não vem.
bjs
PS: vejam o filme! Maryl, Alec e Steve estão sensacionais, dei boas risadas, vale a pena.

7 comentários:

Isadora disse...

Oi Thaís já me falaram muito bem do filme, e ontem estive com ele na mão, mas acabei pegando outros.
Boa dica.
Quem gosta de astrologia diz que existe mesmo essa revolução de Satuno nessa época que rompe com o que não nos cabe mais, ou nos faz reavaliar uma série de coisas em nossas vidas.
Talvez o momento seja só de reavaliação.
Um beijo

Glorinha L de Lion disse...

Eu adorei esse filme tb! Achei a estória muito legal, o filme é delicioso, tipo sessão da tarde...bjs

Beth/Lilás disse...

Thaís,
Já vi este filme e tinha até falado com tua mãe sobre ele e as confusões em que a M. Streep se enfia com aqueles dois muito engraçados.
Como ele mesmo diz, a vida é complicada, mas no fundo somos nós mesmos que a fazemos assim.
Uma linda semaninha e bjs cariocas

andrea duque disse...

eu te disse ,eu te disse é saturno querida eu bem sei eu bem sei.........................

Rebecca disse...

Estou ficando com medo de Saturno, sempre o achei bonito, sabia que aqueles aneis não eram assim tão inocentes!!!
Gostei da dica, vou assistir o filme...
Fica bem viu, tudo sempre muda, Saturno pode infernizar, mas o planeta Terra é redondo...tudo vai dar certo!

Ah li sua entrevista no jornal O Fluminense, parabens pelo sucesso!

beijos

P.S: Ti mandei um email e você não respondeu...quero comprar comprar comprar comprar hauahauhau

Angélica disse...

Oi, adorei conhecer o seu blog! Lindos posts!! Voltarei mais vezes, estou seguindo. :) Bjss

Cucchiaio pieno disse...

Oi Thais
Sinto muito pelo fim do namoro, espero que esteja bem!
Nao dei nada por esse filme, mas com tuas descrições senti vontade de assistir!
Bjim
Léia